sexta-feira, 2 de outubro de 2009

.................................

Tenho um vazio dentro de mim , me me invade todos os dias quando estou sozinha , quando estou triste, quando quero falar .

Este vazio que tenho faz amanha um ano que existe , o dia que perdi a a minha mãe.
O dia mais doloroso da minha vida .

Sei que tenho uma linda filha e isso me dá alento para superar o dia a dia , mas por vezes mesmo perto dela sinto esse vazio. Quando ela faz uma gracinha que me faz rir , ou quando nasceu o primeiro dente , quando gatinhou pela primeira vez , senti uma alegria enorme seguida de uma dor no peito , eu sensação de desespero , por a pessoa que eu mais queria partilhar esta alegria , não estava entre nós.

Pensava que com o tempo a dor iria melhorar , mas não melhora mão sei o que fazer !!!!!!!!!!!

1 comentário:

Sandra disse...

Amiga.... Ninguém a substitui, isso éu sei que tu sabes. Mas... olha para a Carol, a perfeição em ponto pequeno, e embora tu e o Diogo sejam lindos e excelentes pessoas, sabes que tem aí o dedinho de uma anjinha que lá de cima toma conta da tua família linda, que vos guia e protege, não é amiga? Acredito que seja um vazio que jamais será preenchido, mas eu sei que tu sabes, que ela olha por ti, pelo Diogo e pela pitoquitas com muito orgulho em ti, principalmente, pela tua capacidade incondicional de amar, e por seres quem e como és. Eu e o Martim temos plena consciência que somos uns felizardos por vos termos na nossa vida, e também isso tem dedinho da tua anjinha ;)!!!

Vamos lá animar, esquecer é impossível, mas lembra-te dos momentos bons, e nunca te esqueças que só o corpo não está presente.... ;)

Beijos grandes e barrigudos (quase quase no fim....)